Pensando a organização

Manter a casa arrumada traz vários benefícios. Um deles tem tudo a ver com decoração: não adianta ter móveis impecáveis, cores harmônicas, distribuição e circulação perfeitas se há calçados esparramados na sala de estar, livros jogados pelos cantos e brinquedos fora do lugar. Além disso, uma casa bem organizada é sinônimo de menos perda de tempo – já parou para pensar em quantos minutos joga fora ao procurar aquelas chaves que, adivinha, nunca estão no lugar certo? Por fim, uma boa organização é fundamental para que se aproveite todo o espaço que a casa tem a oferecer – o que é fundamental para quem vive em espaços compactos, coisa tão comum hoje em dia.

Se seu entorno está caótico, o ideal é primeiro tentar dar uma ajeitada nas coisas. Caso você não seja do tipo disciplinado e a missão pareça impossível, vá se organizando aos poucos. Comece pelo criado-mudo, que é um móvel pequeno, depois arrume o guarda-roupa e só então se aventure pelo resto da casa. Enquanto realiza o trabalho, descarte papéis inúteis e separe o que está fora de uso, mas em bom estado, para doação.

Agora, é hora de pensar em soluções para melhorar ainda mais a organização da casa e o aproveitamento do espaço – você vai conferir ótimas dicas nas próximas lições. Sua tarefa, depois, será manter tudo organizado. Para o sucesso do empreendimento, prepare-se para convencer a sua família a entrar no “projeto organização”. Sim, porque, se você não mora sozinha, vai precisar da participação de todos os que moram com você para manter as coisas em ordem. “No começo é difícil, mas depois, com as regras já estabelecidas e bem conhecidas por todos, a organização vira um hábito”.Converse com sua família para que todos entendam a importância – e a delícia – de viver em um lugar organizado. As crianças precisam ser corrigidas sempre que desrespeitarem as regras, para que os esquecimentos sejam cada vez menos freqüentes e todos precisam ter, em algum grau, sua individualidade respeitada. Mas, com o passar do tempo, pode apostar: o que era um sacrifício acaba virando corriqueiro.

Antes de irmos para as partes específicas da casa, confira algumas dicas gerais de organização.

* Caixas organizadoras são um apetrecho indispensável para manter tudo em ordem,. De vários tamanhos, elas estão em todos os lugares: no banheiro, nos armários, nas gavetas do criado-mudo. Assim, você não deixa miudezas espalhadas. Organize as caixas pelo seu conteúdo – essa para documentos antigos, essa para maquiagem, etc. Não deixe de usar as caixinhas no guarda-roupa e também no armário do banheiro.

* Pegou, devolva para o mesmo lugar. Repetindo: para o mesmo lugar, e não para outro diferente. Só assim, você vai saber imediatamente onde está aquela tesoura quando você mais precisa dela, onde está o cortador de unha e tudo mais.

* Uma boa idéia para que a casa fique com aquela aparência impecável, principalmente se a família for grande, é reservar um cesto para reunir coisas soltas e, ao fim do dia, colocá-las no lugar. Assim, na pressa, se a norma do “pegou,guardou” foi desrespeitada, pelo menos o objeto não está perdido: está lá, separadinho no cesto.

* A boa arrumação implica coisas guardadas com inteligência. Os objetos usados apenas em ocasiões especiais, como casacos para frio muito rigoroso, devem ficar nos cantos mais altos dos armários, ao contrário de coisas usadas com mais freqüência, que devem ficar mais à mão.

* Caixas e baús são ótimos para organizar brinquedos. Quando a farra acabar, fale com a criançada que é só jogar tudo lá dentro.

* Para organizar as correspondências, uma boa idéia é separar uma caixa para cartas fechadas e contas a pagar. Escolha um lugar fixo para a caixa: na estante da sala ou na bancada do escritório, por exemplo. Cartas velhas vão para o lixo e contas pagas são separadas numa gaveta.

* Roupas de cama podem ser guardadas em cada quarto ou num mesmo móvel, se você tiver um separado para este fim. Separar por estantes as roupas de cada cômodo, e etiquetar no móvel o que se encontra naquela parte: lençóis, fronhas etc. Na hora de guardar a roupa de banho, enrole a toalha do corpo com a toalha de rosto e o tapetinho dentro dela. Assim, os jogos ficam agrupados.

1 responder
  1. Casa, Jardim e Aconchego
    Casa, Jardim e Aconchego says:

    É interessante como as coisas óbvias não fazem parte do nosso dia a dia!! Talvez, por serem tão simples, nos esqueçamos de colocá-las em prática. Estou gostando muito do seu blog porque vc me traz à memória conceitos conhecidos, mas revestidos de praticidade.
    Parabéns!!
    Um abraço,
    Liliana

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *